Tecnologia

10 melhores filmes épicos históricos

Os filmes épicos são produções de grande escala que ecoam os épicos literários clássicos, centrando-se em acontecimentos grandiosos e personagens heroicos, caracterizando-se por sua ambição e magnitude

Os épicos históricos, em particular, reconstroem eventos históricos ou míticos, frequentemente demandando altos custos de produção devido a cenários vastos, figurinos luxuosos ou complexos, trilhas sonoras expansivas e um extenso elenco de apoio, muitas vezes culminando em batalhas monumentais.

Neste artigo vamos destacar alguns dos melhores filmes de épicos históricos. Confira!

Épicos históricos: top 10 filmes

Napoleão (2023)

Imagem: Divulgação
  • Disponível para assinantes do Apple TV+ e Claro Net Now.

Sob a direção de Ridley Scott, esta cinebiografia retrata a vida de Napoleão Bonaparte, estadista e líder militar francês, uma das maiores figuras históricas.

O filme apresenta a ascensão de Napoleão ao poder, focando especialmente em seu relacionamento com sua esposa, a Imperatriz Josefina.

Imagem: Divulgação

No elenco, temos Joaquin Phoenix como Napoleão, ator que já havia trabalhado com Scott em “Gladiador”, e Vanessa Kirby como Josefina de Beauharnais.

Tróia (2004)

Troy (2004) / Crédito: Warner Bros. (divulgação)
  • Disponível para assinantes do Max e Amazon Prime Video.

A adaptação Hollywoodiana de “Ilíada” de Homero, “Tróia”, é um dos épicos mais famosos e importantes da literatura. Com direção dirigida pelo alemão Wolfgang Petersen (“Das Boot”, 1981), o filme recria a lendária Guerra de Troia. 

Na trama, o príncipe troiano Paris se apaixona por Helena, esposa do rei Menelau de Esparta. Ao fugirem juntos para Troia, desencadeiam uma guerra épica que dura mais de uma década. Aquiles, o maior guerreiro grego, e Heitor, irmão de Paris e defensor de Troia, lideram suas nações nessa intensa batalha. 

O filme possui um elenco de peso, com Brad Pitt como Aquiles, Eric Bana como Heitor, além de Diane Kruger, Orlando Bloom, Rose Byrne, Sean Bean e Peter O’Toole.

Coração Valente (1995)

Braveheart (1995) / Crédito: Mundial 20th Century Fox (divulgação)
  • Disponível para assinantes do Max e Amazon Prime Video.

Dirigido e estrelado por Mel Gibson, “Coração Valente” é um épico histórico que conta a história da luta pela independência da Escócia no século XIII, liderada pelo cavaleiro William Wallace. 

A história gira em torno de William Wallace, um cavaleiro escocês que, após sua esposa ser assassinada pelo exército inglês, lidera uma revolta contra o rei Edward I. O filme foi um grande sucesso de crítica e público, recebeu dez indicações ao Oscar em 1996, e venceu em cinco categorias, incluindo Melhor Filme e Melhor Direção. 

Braveheart (1995) / Crédito: Mundial 20th Century Fox (divulgação)

O filme possui uma sequência focada no personagem de Robert the Bruce, chamada “O Rei da Escócia”, atualmente disponível no Amazon Prime Video.

O Novo Mundo (2005)

The New World (1996) / Crédito: NewLine (divulgação)
  • Disponível para aluguel ou compra no Amazon e Apple TV.

Com direção de Terrence Malick (“A Árvore da Vida”), “O Novo Mundo” é um épico que retrata o encontro entre os colonizadores ingleses e os povos nativos americanos no século XVII. A produção é extremamente elogiada, com destaque ao trabalho de fotografia de Emmanuel Lubezki.

Aqui acompanhamos a história de amor entre o explorador John Smith e a índia Pocahontas. Em 1607, uma frota inglesa chega à América e enfrenta dificuldades para se adaptar. Então Smith busca ajuda de tribos locais e encontra a nativa Pocahontas.

O filme adapta um famoso mito, que é o mesmo que inspirou a animação da Disney, “Pocahontas”.

Cleópatra (1963)

Cleopatra (1963) / Crédito: 20th Century Fox
(divulgação)
  • Disponível para assinantes do Star+

Dirigido por Joseph L. Mankiewicz (“A Malvada”), “Cleópatra” é um épico histórico que narra a vida da lendária rainha do Egito, Cleópatra, e seu relacionamento com os líderes romanos Júlio César e Marco Antônio. 

Com sua produção extravagante, “Cleópatra” acabou custando US$ 31 milhões, tornando-se o filme mais caro já feito na época, e quase faliu a 20th Century Fox.

Cleopatra (1963) / Crédito: 20th Century Fox
(divulgação)

O filme conta com performances icônicas de Elizabeth Taylor (Cleópatra) e Richard Burton (Antônio) e teve uma recepção mista, desde críticas pesadas até reconhecimento técnico, sendo um grande marco de Hollywood.

Além deste, Cleópatra possui outras adaptações, como a do mestre Cecil B. DeMille produzida em 1934, atualmente disponível no Looke e NetMovies.

Spartacus (1960)

Spartacus (1960) / Crédito: Universal Pictures (divulgação)
  • Disponível para assinantes do Looke, GloboPlay e Netmovies

Filme épico dirigido pelo renomado Stanley Kubrick, que retrata a história do escravo trácio Spartacus liderando uma revolta de escravos contra a República Romana. O filme é conhecido por sua narrativa envolvente e cenas de batalha impressionantes.

O elenco é estrelado pelo astro Kirk Douglas, e com Laurence Olivier, Jean Simmons, Charles Laughton e Peter Ustinov em papéis de destaque. O filme recebeu quatro Oscars e foi um sucesso de bilheteria, tornando-se a maior arrecadação da história da Universal Studios até 1970.

Alexandre (2004)

Alexandre (2004) / Crédito: Warner Bros. (divulgação)
  • Disponível para assinantes do Looke e Net Claro Now

Com direção de Oliver Stone (“Platoon”  e “Nascido em 4 de Julho”) , o filme narra a vida de Alexandre, o Grande, um dos maiores líderes militares da história.

Como é comum no gênero, a produção possui um elenco estelar, capitaneado por Colin Farrell no papel principal, acompanhado por Angelina Jolie, Val Kilmer, Jared Leto, Rosario Dawson e Anthony Hopkins.

Embora “Alexandre” tenha recebido críticas mistas e gerado controvérsias devido a seus quatro cortes diferentes, é uma produção ambiciosa que busca capturar a grandiosidade e o legado de uma das figuras históricas mais fascinantes da antiguidade

Gladiador (2000)

gladiador
Imagem: Universal Pictures/Divulgação
  • Disponível para assinantes do Netflix, Amazon Prime Video, Star+, Globoplay e Claro Net Now.

A saga do gladiador Maximus Decimus Meridius conquistou público e crítica. Ambientado na Roma Antiga e dirigido por Ridley Scott (conhecido por “A Cruzada”, “Blade Runner” e “Alien”), o filme venceu 6 Oscars, incluindo o de Melhor Filme

No longa, acompanhamos a jornada de Maximus, um general que se torna escravo e gladiador, e sua busca por vingança contra o novo imperador, Commodus, que usurpou o trono e ordenou sua morte.

Lawrence da Arábia (1962)

Lawrence of Arabia (1962) / Crédito: Columbia Pictures (divulgação)
  • Disponível para compra e aluguel na Microsoft, Apple TV, Amazon e Google Play.

Este épico biográfico narra a vida de T.E. Lawrence, um oficial britânico que desempenhou um papel crucial na Revolta Árabe contra o Império Otomano durante a Primeira Guerra Mundial.

Com paisagens magníficas, o filme foi dirigido por David Lean, renomado diretor de Hollywood, conhecido por outros épicos históricos em sua filmografia.

O filme é extremamente aclamado pela crítica, tendo vencido 7 Oscars, incluindo os de Melhor Diretor e Melhor Filme. É frequentemente listado em diversas publicações especializadas como um dos melhores filmes de todos os tempos.

Doutor Jivago (1965)

Doctor Zhivago (1965) / Crédito: Metro-Goldwyn-Mayer (divulgação)
  • Disponível para assinantes do OldFlix
  • Disponível para compra e aluguel na Microsoft, Amazon e Google Play.

Baseado no romance de Boris Pasternak, é um épico romântico que se passa durante a Revolução Russa, e mais um do gênero com direção de David Lean.

O filme narra a história de Yuri Jivago, um médico e poeta arrastado pelo turbilhão dos eventos históricos que abalam a Rússia. Aos poucos, ele se desilude do socialismo enquanto fica dividido entre o amor de duas mulheres. 

O longa fez um grande sucesso em seu lançamento, alcançando recordes de bilheteria (adequado com a inflação, o filme é o oitavo mais lucrativo de todos os tempos). É mais um épico histórico com presença frequente em listas de melhores filmes de todos os tempos.

Olhar Digital

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo