Política

Agamenon na Crusoé: A Suprema Supremacia Suprema

Não sou ovo mas estou chocado com a morte prematura e inesperada deste rapaz, o Henry Kissinger, que faleceu com apenas 100 anos de idade e toda uma vida pela frente.

O Schwarzenegger da diplomacia norte-americana foi responsável pela aplicação da “realpolitik” nas relações dos EUA com os outros países. “Realpolitik” quer dizer o seguinte: escreveu não leu, o pau comeu. Se não fizessem o que o Kissinger mandava, a juropoca piava com sotaque de alemão. Graças ao Kissinger tivemos várias décadas de ditaduras na América Latrina e o Brasil, para escapar do comunismo, virou uma Albânia de direita.

Por incrível que pareça, foi o mesmo Kissinger que restabeleceu relações diplomáticas com o comunista Mao Tsé-Tung, a quem chamava carinhosamente de “China”. Naquela época, a China vivia da exportação de pastéis e tinturarias, hoje a China se transformou numa potência industrial. A cada duas pessoas que nascem no mundo, uma delas é chinesa e foi por isso que eu e a Isaura, a minha patroa, decidimos ligar nossas trompas e não deixar nenhum herdeiro nesse mundo. Mesmo porque eu não tenho nada a deixar a não ser dívidas e as minhas descargas flatulentas ricas em dióxido de carbono.

Inspirado pela diplomacia kissingeriana, o presidente…

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.

Matéria: O Antagonista

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo