Entretenimento

Artista encontra ensaio erótico de 100 anos atrás com travestismo e intimidade de casal


‘As fotos são antes de eles se casarem. Foram tiradas por Kaulak, que era o melhor retratista da época. Todo mundo queria um retrato de Kaulak’, diz curador de exposição espanhola. Exposição ‘Álbum de salón y alcoba’
Museu Nacional de Artes Decorativas
Um acervo fotográfico encontrado despretensiosamente no Museu Nacional de Artes Decorativas, em Madrid, na Espanha, é agora tema da exposição “Álbum de Salón y Alcoba”, em cartaz na instituição.
A mostra é do curador David Trullo e reúne documentos, objetos e fotos de um casal — registradas há cerca de cem anos.
“[Encontrar as fotografias] foi um momento muito intenso, porque, no início, pensávamos que se tratava apenas de uma coleção de cartões postais eróticos”, afirmou Trullo em entrevista ao jornal britânico “The Guardian”.
“Mas, depois, descobrimos que tínhamos um arquivo extraordinário.”
Fotos de exposição ‘Álbum de salón y alcoba’
Museu Nacional de Artes Decorativas
Foto de exposição ‘Álbum de salón y alcoba’
Museu Nacional de Artes Decorativas
As imagens são de um casal da década de 1920. Elas mostram momentos de intimidade dos dois, cujas identidades são desconhecidas. Além disso, exibem travestismo nas vestes.
“Fizemos uma investigação durante um ano para encontrar os dois. [As informações sobre eles] desaparecem a partir de 1935. Então, provavelmente, algo aconteceu durante a guerra civil espanhola”, explica o curador. “Eles deixaram a Espanha, e algo terrível aconteceu com eles. Nós não sabemos o quê. A minha teoria é que, em 1936, aconteceu alguma coisa que fez eles empacotarem tudo.”
“As fotos são antes de eles se casarem. Foram tiradas por Kaulak, que era o melhor retratista da época. Todo mundo queria um retrato de Kaulak.”

Matéria: G1 POP & Arte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo