Política

cães das FDI caçam terroristas em Gaza

As Forças de Defesa de Israel (FDI) divulgaram neste domingo, 31, uma compilação em vídeo que mostra a atuação de cães durante operações militares na Faixa de Gaza. Nas imagens, Patrick e Toy acompanham os soldados israelenses e ajudam a identificar ameaças para as tropas

Em muitos casos, os animais são enviados para realizar uma varredura inicial antes da entrada dos soldados em edifícios. Eles mapeiam as residências, localizam armas e explosivos

Segundo as FDI, Patrick e Toy também ajudaram a matar terroristas do Hamas

Durante um ataque no bairro de Jabalia, no norte de Gaza, Patrick localizou um terrorista e o imobilizou antes que ele pudesse representar uma ameaça aos soldados israelenses.

Em outra operação no bairro de Rimal, Toy localizou uma entrada que conectava o prédio onde os soldados estavam a outro edifício onde um terrorista estava escondido. Toy imobilizou o terrorista e protegeu os militares.

Segundo as FDI, a unidade canina Oketz foi enviada “em um grande número de casos” em Gaza.

Assista abaixo o vídeo que mostra a atuação de Patrick e Toy na caça por terroristas do Hamas:

 

Custo da guerra para Israel

O Ministério das Finanças de Israel divulgou no início da semana passada uma projeção de que as operações militares em Gaza devem se estender até fevereiro, pelo menos.

Nesse período, a guerra deve custar mais US$ 14 bilhões (R$ 68 bilhões), o que deve triplicar o déficit orçamentário anteriormente previsto.

O vice-comissário de Orçamento do ministério, Itai Temkin, afirmou que a pasta trabalhava com um déficit de 2,25% do Produto Interno Bruto (PIB) por causa das operações até então.



Matéria: O Antagonista

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo