Esporte

Com dois de Lima, Fluminense empata com Red Bull Bragantino pela estreia no Brasileirão

O Fluminense largou com um empate no Campeonato Brasileiro. Em um duelo movimentado com o Red Bull Bragantino, o Tricolor Carioca saiu na frente, levou a virada, mas buscou a igualdade: 2 a 2, neste sábado, no Maracanã.

Em casa, o mandante sofreu pelo alto. Após sair na frente no primeiro tempo, em que cresceu de produção e teve uma boa exibição, o Tricolor Carioca levou a virada em seis minutos na etapa final, com dois gols de cabeça.

O Fluminense, contudo, mostrou poder de reação. Lima, por sinal, foi o artilheiro da noite. Ele fez os dois gols do Tricolor Carioca. O Flu teve chances para virar, mas saiu do Maracanã com um ponto.

Na próxima rodada, o Fluminense visita o Bahia, nesta terça-feira, às 21h30 (horário de Brasília), na Arena Fonte Nova. O Bragantino tem mais um carioca pela frente e recebe o Vasco, nesta quarta-feira, às 19h (de Brasília), no Nabi Abi Chedid.

O duelo entre Fluminense e Bragantino

A primeira chance foi do Fluzão. Aos 6 minutos, Samuel Xavier interceptou lançamento errado de Cleiton, avançou pelo campo até a intermediária e chutou. O goleiro do Bragantino espalmou. Na sequência, após cobrança de escanteio, Marquinhos arriscou de fora da área e carimbou o travessão.

O Flu, então, passou a ter dificuldade para criar. O Bragantino assustou aos 25 minutos. Laquintana foi lançado, invadiu a área e conseguiu chutar. Fábio salvou o Tricolor Carioca. O Fluzão respondeu na sequência. Cano achou Arias, que emendou. Cleiton defendeu com segurança.

Aos 32 minutos, a zaga do Bragantino se enrolou na hora de afastar o perigo. Marcelo emendou com força e acertou o travessão. No minuto seguinte, Marquinhos levou para dentro e arriscou de fora da área. Cleiton fez grande defesa no Maracanã.

Cleiton salvou o Bragantino novamente aos 35 minutos. Samuel Xavier desceu pela direita e cruzou para Cano. O artilheiro chutou, mas viu o goleiro rival mandar para escanteio, em mais uma defesa difícil. Aos 40, após cobrança de escanteio, Felipe Melo ganhou pelo alto. A bola saiu à direita, com perigo.

Fábio voltou a trabalhar aos 46 minutos. Eduardo Sasha, lançado na área, chutou e obrigou o goleiro do Fluminense a fazer defesa difícil. O Fluzão abriu o placar aos 48 minutos. Ganso cobrou escanteio, Lima se antecipou e fez 1 a 0.

O Bragantino empatou no primeiro minuto da etapa final. Após cobrança de falta pela esquerda, Eduardo Sasha desviou e fez 1 a 1. O Massa Bruta virou aos 6 minutos. Após cruzamento da esquerda, Thiago Borbas, que entrou no intervalo, cabeceou e fez 2 a 1.

Aos 9 minutos, Sasha teve chance para ampliar. O Bragantino recuperou a bola no ataque. Contudo, o atacante furou cruzamento de Eric Ramires. Aos 12, Cano quase empatou, mas não alcançou cruzamento. Fernando Diniz fez as primeiras mudanças e lançou o Fluminense ao ataque. Ele colocou John Kennedy e Douglas Costa. Saíram Felipe Melo e Samuel Xavier. Assim, André foi para a zaga e Marquinhos para a lateral direita.

Douglas Costa, aos 16 minutos, apareceu bem na área, mas errou o cabeceio, após cruzamento de Marquinhos. Aos 19, Cano foi lançado e chutou. Lucão, que entrou no lugar de Cleiton no intervalo, salvou o Bragantino. O Massa Bruta respondeu dois minutos depois. Thiago Borbas chutou cruzado. Fábio defendeu.

O Fluminense empatou aos 22 minutos. Lima arriscou de fora da área, a bola desviou em Luan Cândido e ficou indefensável para Lucão: 2 a 2 no Maracanã. Aos 25, Cano quase recolocou o Tricolor Carioca em vantagem, mas Lucão salvou.

Aos 28, John Kennedy ficou com rebote na área, após cobrança de escanteio, e quase fez o terceiro. A bola saiu rente à trave direita. Aos 34, Diniz colocou o zagueiro Felipe Andrade no lugar de Ganso. O empate persistiu no Maracanã.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 2X2 BRAGANTINO

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data: 13/04/2024, sábado
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: Maguielson Lima Barbosa (DF)
Assistentes: Bruno Raphael Pires (Fifa-GO) e Lehi Sousa Silva (DF)
VAR: Gilberto Rodrigues Castro Junior (PE)
Cartão amarelo: Luan Cândido, Juninho Capixaba, Vitinho e Jadsom (Bragantino) e Marquinhos, Guga e André (Fluminense)
Cartão vermelho:
Gols:
Fluminense: Lima, aos 48′ do 1ºT e aos 22′ do 2ºT
Bragantino: Eduardo Sasha, no 1′ do 2ºT, e Thiago Borbas, aos 6′ do 2ºT

FLUMINENSE: Fábio; Samuel Xavier (Douglas Costa), Felipe Melo (John Kennedy), Martinelli e Marcelo; André, Lima, Ganso (Felipe Andrade) e Arias; Marquinhos e Cano (Kauã Elias). Técnico: Fernando Diniz.

BRAGANTINO: Cleiton (Lucão); Andrés Hurtado, Douglas Mendes, Luan Cândido e Juninho Capixaba (Guilherme); Jadsom, Raul (Eric Ramires) e Gustavinho (Thiago Borbas); Laquintana (Vitinho), Henry Mosquera e Eduardo Sasha. Técnico: Pedro Caixinha.

Gazeta Esportiva

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo