Economia

é melhor fazer declaração simplificada ou completa?

A dúvida entre declaração completa ou simplificada no Imposto de Renda 2024 gira em torno de qual proporciona maior restituição ou menor imposto a pagar.

Luis Lima Jr./Fotoarena/Estadão Conteúdo

A decisão entre os modelos depende das despesas dedutíveis do contribuinte, como educação, saúde, previdência privada, entre outras.

Se há filhos como dependentes, despesas com educação, saúde e contribuição para previdência privada PGBL, o modelo completo pode ser mais vantajoso devido às deduções.

Contribuintes sem dependentes ou grandes despesas podem encontrar vantagens no modelo simplificado, que oferece desconto padrão de 20% sobre a base de cálculo, limitado a R$ 16.754,34.

Marcello Casal JrAgência Brasil

Recomenda-se preencher a declaração como se fosse no modelo completo, incluindo todos os dados disponíveis, especialmente despesas relacionadas à educação, saúde e previdência privada.

O programa auxilia na escolha do modelo mais vantajoso para redução do imposto a pagar ou aumento da restituição, indicando a opção “por deduções legais” por padrão.

Luis Lima Jr./Fotoarena/Estadão Conteúdo

Além das despesas dedutíveis, informar as fontes de renda dos dependentes, como aposentadoria e salários, é crucial para o cálculo do imposto.

Alina Bitta/Getty Images/iStockphoto

Para dependentes, especialmente se possuem renda própria, fazer simulações é essencial para avaliar se é mais vantajoso declará-los individualmente.

Incluir na declaração todos os bens, como automóveis, casas e aplicações financeiras, é necessário para um preenchimento completo e correto.

Autônomos ou quem recebe renda de aluguel deve importar as informações do Carnê-leão 2023 para o programa de preenchimento da declaração do IR 2024.

Luis Lima Jr./Fotoarena/Estadão Conteúdo

Recibos e notas fiscais que comprovem as despesas dedutíveis devem ser guardados por no mínimo cinco anos.

Marcello Casal JrAgência Brasil

O modelo simplificado oferece abatimento padrão de 20%, enquanto o modelo completo é indicado para quem possui muitas despesas dedutíveis, como saúde, educação e dependentes.

Para mais informações, acesse UOL Economia.

Matéria: UOL Economia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo