Economia

Ex-CEO das Americanas disse à CVM e à PF que obedecia a Sicupira

“O Beto, ou você não se dá com Beto ou se dá com Beto. É uma pessoa de personalidade muito, muito forte. Se eu estava há 20 anos me relacionando com Beto no cotidiano, não dá para agora eu vou falar com [Eduardo] Saggioro [que substituiu Sicupira na presidência do conselho de administração]”, contou Gutierrez à CVM, em março de 2023.

Gutierrez disse ainda que as acusações contra ele são falsas e têm como objetivo proteger os acionistas controladores das Americanas. Em reação às palavras do ex-CEO, o trio formado por Sicupira, Lemann e Telles chamou o ex-homem de confiança de “malfeitor”, um dos responsáveis por uma “fraude ardilosa” em setembro.

No depoimento à CVM, Gutierrez detalhou como eram as relações de subordinação dentro da empresa. “O Beto, como presidente do conselho, era o meu chefe. E toda a interligação [minha com o conselho] era através do Beto. E o Beto saiu da chefia do conselho em 2020 —que foi um plano programado em 2019, ele ia sair para depois eu ir pro conselho novamente. Então, nesse período, meu contato com Beto sempre foi muito intenso”, contou o ex-CEO. “Eu tinha uma relação com o Beto de 20 anos de trabalho. Você cria, obviamente, uma proximidade.”

Bilionário era envolvido na empresa. O ex-presidente das Americanas contou que Sicupira, que presidiu a empresa entre 1983 e 1991, “gosta muito do negócio” e sempre foi muito envolvido no dia a dia da companhia. “Aí meu contato sempre foi prioritariamente com o Beto.” Procurada pelo UOL em setembro, a atual direção das Americanas negou veementemente que qualquer decisão da companhia passasse pelo crivo de qualquer acionista.

Como foi a fraude

Segundo o comitê independente convocado pelo grupo para apurar o caso, a antiga diretoria das Americanas, Gutierrez incluído, “fraudou os resultados da companhia” para enganar o conselho e o mercado. Segundo o comitê, há pelo menos 25 indícios de materialidade que ligariam a antiga diretoria à fraude.

Matéria: UOL Economia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo