Notícias

Governador elogia ‘atuação exemplar’ da PM em sequestro no Rio

Não há informações sobre a motivação do sequestro; criminoso foi preso. A identidade do sequestrador, que resistiu às primeiras negociações, não foi divulgada.

Duas pessoas ficaram feridas. Um homem de 34 anos, ferido por arma de fogo, passa por cirurgia no Hospital Municipal Souza Aguiar, também no centro. O estado dele é grave. Outra pessoa foi atingida por estilhaços e teria sido atendida em ambulatório no próprio terminal. Os dois estavam fora do ônibus.

Rio de Janeiro tem histórico de sequestro de ônibus com finais trágicos. Um dos casos mais conhecidos, o sequestro do ônibus 174, em junho de 2000, terminou com a morte de uma das vítimas, que foi atingida por um atirador, e do sequestrador, morto asfixiado no camburão.



Matéria: UOL Notícias

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo