Política

governo julga anistia a tribos afetadas pela ditadura

A Comissão de Anistia, ligada ao Ministério dos Direitos Humanos e Cidadania, julga na próxima terça-feira, 2, um pedido de anistia coletivo a povos indígenas afetados pela ditadura militar. 

O caso será levado para pauta a pedido do Ministério Público Federal (MPF), que apresentou uma ação com o pedido em 2015. 

O julgamento é um dos realizados pela comissão na semana onde se lembram os 60 anos do golpe militar, ocorrido entre 31 de março e 1º de abril de 1964. O julgamento envolve os povos Guarani-Kaiowa, da comunidade indígena Guyraroká, situados próximos a cidade de Dourados (MS). De acordo com o MPF, políticas federais de povoamento do país, implementadas durante o período da ditadura militar, levaram agentes do Estado brasileiro a “promover traslados compulsórios dos indígenas de Guyraroká, provocando mortes e profunda desintegração dos modos de vida destes povos tradicionais”

Leia mais em Crusoé.



Matéria: O Antagonista

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo