Notícias

Helena Rizzo diz usar maconha: ‘Me equilibra’ – 12/03/2024 – Mônica Bergamo

A chef Helena Rizzo diz fazer uso de cannabis no seu dia a dia, tanto de forma medicinal quanto recreativa.

“Eu sou uma pessoa que trabalha bastante, faço um monte de coisa. Sinto que a cannabis me equilibra. Equilibra essa coisa da aceleração”, afirma a jurada do MasterChef Brasil, da Band.

A declaração foi dada à revista digital Breeza, que é dedicada à cultura canábica, e será divulgada na íntegra na próxima quinta (14).

Rizzo diz consumir a flor e o óleo extraído da maconha “de forma muito moderada” e para tratar de uma insônia.

“O óleo, eu tomo todo dia, três gotinhas de manhã e três gotinhas à noite. Me ajudou muito na coisa do sono, e a flor inalada também.”

Ela acrescenta que gosta de ler, ver filmes ou escutar música quando fuma maconha. “Entra no meu processo criativo, quando eu estou em casa num dia que eu não tenho nada para fazer. Gosto para desenhar, para pintar… ela entra nesse lugar.”

Já para trabalhar, ela diz que não funciona e que já teve uma experiência ruim quando atuava em um restaurante na Espanha. “Foi horrível, horrível. Não combina. Comecei a entrar numas, achava que não estava fazendo direito. Nunca mais eu fiz isso. Mas no final de semana eu dou uma boa relaxada, me recompõe.”

Em outro trecho da conversa, a chef que nunca fez experiências aprofundadas de uso da planta na cozinha, mas, caso fosse legalizado, pensaria em receitas de sorvetes. “Seria uma coisa muito deliciosa, um sorvete com esse aroma refrescante, limão com cannabis.”

Helena Rizzo acrescenta que o tema ainda é polêmico e delicado no Brasil. “Não estou acompanhando [a discussão sobre a descriminalização], mas sei que damos um passo pra frente e outros dez pra trás […]. Nos demos conta nos últimos anos de quão conservadora é a nossa sociedade.”


LUZ E SOMBRA

Os fotojornalistas Lalo de Almeida, da Folha, e Luciano Candisani, colaborador da revista National Geographic, receberam convidados na abertura da mostra “Água Pantanal Fogo”, no Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo, na semana passada. A mostra reúne fotografias dos dois tiradas na região do Pantanal. O diretor e fundador do festival É Tudo Verdade, Amir Labaki, passou por lá. O ator Leopoldo Pacheco e a produtora cultural Bel Gomes compareceram.

com BIANKA VIEIRA, KARINA MATIAS e MANOELLA SMITH


LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

Matéria: UOL Notícias

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo