Tecnologia

Ilha foi desfigurada por terremoto em Taiwan; veja

Um dos pontos mais afetados pelo terremoto que atingiu Taiwan e região nesta quarta-feira (3) foi a ilha de Guishan. Localizada no nordeste taiwanês, ela é conhecida como ilha da tartaruga em função das montanhas com formato semelhante a cabeça do animal. Felizmente, o local estava fechado para turistas no momento do tremor, mas as imagens dos estragos são impressionantes.

Leia mais

Pedra principal da ilha desmoronou

As primeiras imagens após o terremoto mostraram a ilha sob uma grande nuvem de poeira. Isso aconteceu porque parte da pedra principal desmoronou em direção ao mar. Segundo o departamento de turismo de Taiwan, a destruição desfigurou o local.

As autoridades taiwanesas destacam que a área afetada não recebe turistas, e que toda a ilha de Guishan estava fechada para visitantes no dia, o que evitou que mortes fossem registradas no local.

Já o departamento de gerenciamento atmosférico afirmou ter concluído uma inspeção em toda a ilha cerca de uma hora após o terremoto. As informações são da Folha de São Paulo.

Veja o antes e depois da ilha:

Parte da pedra principal da ilha da tartaruga desmoronou após tremor (Imagem: Shutterstock/redes sociais)

Terremoto mais forte em 25 anos

  • O terremoto ocorreu às 7h58 da manhã desta quarta-feira (3), no horário local.
  • O epicentro foi perto da cidade de Hualien, no leste da ilha.
  • Pelo menos nove pessoas morreram e mais de 800 ficaram feridas, segundo o Centro de Operações de Emergência Central de Taiwan.
  • Mais de duas dezenas de prédios desabaram.
  • Alertas de tsunamis foram emitidos na ilha, além de partes da China, das Filipinas e do Japão, onde os efeitos do terremoto também foram sentidos, mas com menor intensidade.
  • No entanto, o risco de ondas gigantes foi descartado algumas horas depois.
  • Segundo o governo de Taiwan, as operações das usinas nucleares permaneceram normais e a distribuição de energia foi estabilizada.
  • A Administração de Aviação Civil disse que nenhum voo foi impactado.
  • Novos terremotos de magnitude superior a 6 são esperados nos próximos dias na região.

Olhar Digital

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo