Política

Indicado por Bolsonaro para a vice de Nunes gera revolta no PP

O fortalecimento do nome do coronel da reserva Ricardo de Mello Araújo (PL), indicado pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) para a vice de Ricardo Nunes (MDB) na eleição para a Prefeitura de São Paulo, gerou revolta em lideranças do PP.

Nomes como o deputado estadual Delegado Olim (SP) e os federais Coronel Telhada e Fausto Pinato têm se organizado para barrar o ex-comandante da Ceagesp. Ele pediram uma reunião com o presidente do partido, Ciro Nogueira, para manifestar insatisfação.

“Ele não agrega um voto. Não subo no palanque ao lado dele. Quando estava na Ceagesp, encheu de viaturas da PM. Quando perguntei o tamanho do desfalque de viaturas da PM por causa das ações dele, recebi uma resposta vaga, sem dados. Se o Tarcísio [de Freitas, governador] está apoiando esse nome só para agradar o Bolsonaro, está indo para o caminho errado”, afirma Olim.

“Eu quero que o Ricardo Nunes ganhe. Vou fazer campanha para ele. Mas não aceito ficar ao lado do Mello Araújo”, completa.

LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar sete acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

Folha de São Paulo

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo