Economia

Lula lança projeto que destina 483 imóveis para moradia popular

Outros 500 imóveis estão em estudo para possível destinação em 200 municípios. Destes, 68 devem virar parques e instalações de cultura e 49 devem ser destinados para a construção de escolas, universidades e institutos federais.

A ministra Esther Dweck explicou que a prioridade é firmar parcerias para a destinação de equipamentos sociais. Os demais imóveis serão alvo de parceria com o setor privado.

O presidente Lula afirmou que os imóveis serão distribuídos a partir do lançamento do programa, que ocorreu hoje. Alguns já foram destinados ao longo de 2023.

No ano passado, Lula pediu à ministra Esther um levantamento de todos os prédios públicos abandonados no país. O presidente diz que há imóveis que podem ser transformados em moradia, vendidos e até doados para que “o preço da casa fique mais barato”.

A gente acha que em algumas áreas a melhor destinação não é necessariamente habitação ou equipamento social. Em grandes empreendimentos, como o Aeroporto de Vitória da Conquista, podemos abrir para o setor privado propor projetos.
Ministra Esther Dweck

Matéria: UOL Economia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo