Política

Maduro cria zona de defesa de Essequibo

O ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou a criação da zona de defesa integral da Guiana Essequiba, região contestada pelos venezuelanos e que representa 70% da vizinha Guiana.

A decisão é desta terça-feira, 5 de dezembro, dois dias após o regime convocar um referendo pela anexação da região.

Maduro nomeou o Major General Alexis José Rodríguez Cabello como autoridade da área.

A região da Guiana Essequiba é composta por três Áreas de Desenvolvimento Integral e 28 setores de Desenvolvimento Integral, que são militar e administrativamente dependentes da Região de Defesa Integral da Guiana.

A sede da Zona de Defesa Integral da ditadura venezuelana ficará localizada em Tumeremo.

Além disso, Maduro determinou a publicação e divulgação do novo mapa da Venezuela nas escolas e universidades do país. Esse mapa inclui a Guiana Essequiba como parte do território venezuelano.

Em seu pronunciamento, o ditador também anunciou que autorizaria a exploração de petróleo ao redor do rio Essequibo. Essa região corresponde a cerca de dois terços do território nacional da Guiana e é conhecida por suas reservas petrolíferas.

Matéria: O Antagonista

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo