Política

Moro e Dino se abraçam e riem durante sabatina no Senado; veja foto

O senador Sergio Moro (União Brasil-PR) cumprimentou o ministro Flávio Dino, sabatinado nesta quarta-feira (13) pela CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado. Eles se abraçaram, conversaram por alguns segundos e riram.

Ao chegar à comissão, abordado por jornalistas, Moro não quis antecipar sobre o que pretende questionar o indicado do presidente Lula (PT) para o STF (Supremo Tribunal Federal) e não revelou o voto.

Moro falou que mantém diálogo com o sabatinado e lembrou que foram colegas de magistratura.

Ambos foram juízes federais —Moro foi responsável pela Operação Lava Jato que mirou integrantes do atual governo, inclusive o mandatário do país, e depois integrou o governo de Jair Bolsonaro (PL) como titular da pasta hoje sob o comando de Dino.

“A gente é sempre uma pessoa aberta ao diálogo, a gente conversa com todo mundo, resolvemos as questões para discutir o que a gente diverge, para discutir o que a gente concorda, disse Moro à Folha.

“Eu conheço, na verdade, o ministro Flávio Dino há muito tempo, né, porque ele foi também juiz federal, eu fui juiz na mesma época, o que não significa que concordemos em vários assuntos.”

Folha de São Paulo

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo