Política

Nunes oficializa saída de secretários em trocas para a eleição; veja as mudanças

O Diário Oficial da Prefeitura de São Paulo publicou, nesta sexta-feira (5), oito exonerações de secretários e membros do primeiro escalão da gestão Ricardo Nunes (MDB), oficializando mudanças previstas com vistas às eleições deste ano.

A legislação eleitoral exige que os secretários municipais que queiram concorrer no pleito de outubro deixem seus cargos até esta sexta.

A maior parte dos novos secretários já foi nomeada também nesta edição do Diário Oficial. Como mostrou a Folha, Nunes optou por soluções caseiras para substituir os auxiliares, promovendo secretários adjuntos ou outras pessoas que já integram as pastas.

Nesta quinta-feira (4), Nunes afirmou à imprensa que não “teria mudanças muito complexas”.

Em algumas pastas, as novas nomeações ainda podem ser provisórias. Nunes negocia usar espaços da Cultura e da Segurança para atender a seus dois principais aliados na eleição, o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e o governador Tarcísio de Freitas (Republicanos).

Na Segurança, assumiu por enquanto o secretário adjunto Alcides Fagotti Junior. Uma opção cogitada é o coronel da PM Ricardo Mello Araújo, que Bolsonaro havia indicado para ser vice de Nunes, chefiar a pasta.

Já para o Turismo, uma opção levantada foi a do deputado estadual Rui Alves (Republicanos), mas não houve convite formal e a avaliação é a de que as conversas ainda precisam avançar. Essa movimentação abriria uma vaga na Assembleia Legislativa e levaria um aliado de Tarcísio, o policial federal Danilo Campetti, que é suplente, a assumir o mandato.

Nas exonerações desta sexta, o atual secretário do Turismo, Rodolfo Marinho, não foi exonerado.

Veja quem saiu e quem entrou na gestão Nunes

Secretaria de Segurança Urbana

  • Sai: Elza Paulina de Souza – concorre a vereadora pelo MDB
  • Entra: Alcides Fagotti Junior ( então secretário-adjunto)

Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social

  • Sai: Carlos Bezerra Júnior – concorre a vereador
  • Entra: Marcelina Conceição Santos (chefe de gabinete)

Secretaria da Cultura

  • Sai: Aline Torres – concorre a vereadora pelo MDB
  • Entra: Ligia Jalantonio Hsu

Secretaria Executiva de Segurança Alimentar e Nutricional e de Abastecimento

  • Sai: Carlos Fernandes – concorre a vereador
  • Entra: Aurélio Costa de Oliveira (integrante da pasta)

SP Urbanismo

  • Sai: Cesar Angel Boffa de Azevedo – concorre a vereador pela União Brasil
  • Entra: Pedro Martin Fernandes (diretor de Desenvolvimento Urbano)

Secretaria de Urbanismo e Licenciamento

  • Sai: Marcos Duque Gadelho – sai por razões pessoais
  • Entra: Elisabete França (secretária executiva do Programa Mananciais e ex-secretária)

Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho

  • Sai: Aline Cardoso – sai para trabalhar no plano de governo e na pré-campanha de Nunes
  • Entra: Eunice Aparecida de Jesus Prudente (atual secretária da Justiça)

Secretaria da Justiça

  • Sai: Eunice Aparecida de Jesus Prudente – substitui Aline Cardoso
  • Entra: Maria Lucia Palma Latorre (chefe de gabinete)

Folha de São Paulo

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo