Política

o carro elétrico mais barato do país chegando

O tão esperado BYD Dolphin, modelo elétrico da famosa marca chinesa, chega ao Brasil com a promessa de ser o automóvel elétrico mais acessível no mercado brasileiro. Segundo rumores, o preço estará abaixo dos R$ 100 mil, o que coloca esse carro em uma posição de muito interesse para aqueles que procuram ingressar no mundo dos elétricos.

Dimensões e capacidade de ocupação

Com 3,78 metros de comprimento, o Dolphin é levemente maior do que os subcompactos presentes no mercado. Seu espaço entre-eixos de 2,5 metros garante um espaço interno confortável, similar ao dos automóveis compactos. O modelo será lançado inicialmente com capacidade para quatro pessoas, mas a marca avalia a possibilidade de lançar em breve uma versão para cinco ocupantes.

Versatilidade nas opções de bateria

No mercado chinês, há duas opções de bateria para o Dolphin. A primeira tem uma capacidade de 30 kWh, enquanto a segunda possui 38,8 kWh. A BYD declara uma autonomia entre 300 e 400 km por carga, conforme o ciclo chinês. Ao adaptar essas informações para o ciclo do Inmetro, no Brasil, o Mercado Livre anuncia uma autonomia de 280 km.

Desempenho

O Dolphin deve chegar ao Brasil equipado com um motor elétrico de 75 cv e 13,7 kgfm, capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 14,9 segundos e atingir uma velocidade final de 130 km/h. Esses números podem ser considerados inferiores ao do Dolphin de maior porte, entretanto, estão alinhados com outros elétricos de preços similares, como o Renault Kwid E-Tech e o Chery iCar.

Equipamentos

O Dolphin também não decepciona em termos de tecnologia e conforto. O carro incluirá algumas características como: carregador por indução, banco do motorista com regulagem elétrica, controle de cruzeiro (não adaptativo), auto hold, central multimídia giratória de 10,1 polegadas compatível com Android Auto e Apple CarPlay, cluster digital de 7 polegadas, seis airbags, câmera de ré e sensores de estacionamento traseiros. Tudo isso torna o Dolphin uma opção muito atraente no mercado de carros elétricos.

Recarga e autonomia

O tempo total para uma recarga completa do veículo será em média de uma hora, mantendo-se dentro da média para veículos elétricos.

Com todas estas características, o BYD Dolphin se postula como uma excelente opção para quem busca adentrar ao universo dos carros elétricos sem gastar fortunas. Agora só resta aguardar a chegada deste esperado lançamento no Brasil.



Matéria: O Antagonista

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo