Notícias

Ofensiva em Rafah seria ‘prego no caixão’ da ajuda a Gaza, afirma Guterres

Uma ofensiva israelense em Rafah seria uma ‘sentença de morte’ para os programas de ajuda humanitária na Faixa de Gaza, onde o auxílio para a população continua sendo “completamente insuficiente”, advertiu nesta segunda-feira o secretário-geral da ONU, Antonio Guterres. 

“Uma ofensiva israelense total sobre a cidade não seria apenas aterrorizante para mais de um milhão de civis palestinos refugiados lá; isto colocaria o último prego no caixão dos nossos programas de ajuda”, afirmou Guterres na abertura da 55ª sessão do Conselho de Direitos Humanos da ONU, em Genebra.

O secretário-geral disse que “nada pode justificar os assassinatos, ferimentos, torturas e sequestros deliberados de civis por parte do Hamas, o uso da violência sexual ou o lançamento indiscriminado de foguetes contra Israel”. “E nada justifica a punição coletiva do povo palestino”, acrescentou. 

Matéria: UOL Notícias

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo