Esporte

Palmeiras volta a virar final, derruba Santos e leva primeiro tri paulista após 90 anos – 07/04/2024 – Esporte

O Palmeiras repetiu, na noite de domingo (7), o que havia feito nos dois anos anteriores e conquistou o Campeonato Paulista após uma derrota no primeiro jogo da final. Repetiu também algo que havia alcançado fazia bem mais tempo: pela primeira vez desde 1934, é tricampeão estadual.

O triunfo de 2024 foi obtido contra o Santos, que ganhou a partida de ida, na Vila Belmiro, por 1 a 0. Na volta, no Allianz Parque, o time alviverde reverteu o placar agregado, com uma vitória por 2 a 0, gols de Raphael Veiga e Aníbal Moreno.

O jogo terminou em uma cena bastante recorrente nas últimas temporadas, troféu erguido pelos comandados de Abel Ferreira. Ao menos um detalhe dessa cena, porém, deixará de ser recorrente: Endrick levantando uma taça com a camisa alviverde.

O promissor atacante trocará o Palmeiras pelo Real Madrid em julho, quando completar 18 anos. Negociado por um valor atualmente estimado em cerca de R$ 240 milhões –que poderá crescer com metas atingidas–, deixará a agremiação da zona oeste paulistana com cinco títulos em duas temporadas e meia: dois do Paulista, dois do Brasileiro e um da Supercopa do Brasil.

O clube paulista até tentou negociar uma liberação apenas em dezembro. Mas o time espanhol já aguarda com ansiedade a chegada do garoto, que marcou nos dois jogos mais recentes da seleção brasileira –vitória por 1 a 0 sobre a Inglaterra, no estádio de Wembley, em Londres, e empate por 3 a 3 com a Espanha em sua futura casa, o Santiago Bernabéu, em Madri– e encheu os olhos europeus.

Ao menos por enquanto, porém, ainda que por pouco tempo, Endrick é jogador do Palmeiras. Decisivo na conquista do último Brasileiro, o adolescente teve participação importante também na trajetória de seu time no Paulista e o levou à decisão, voltando às pressas da seleção para definir o triunfo por 1 a 0 sobre o Novorizontino na disputa semifinal.

Na decisão, o Palmeiras precisou de pouco mais de 30 minutos para deixar o confronto empatado. Aos 32 da etapa inicial, Raphael Veiga converteu uma cobrança de pênalti e abriu o placar no Allianz.

A penalidade só foi assinalida pelo árbitro Raphael Claus depois de revisar o vídeo, pelo qual ele considerou faltoso o choque do goleiro João Paulo em disputa de bola com Endrick, que tentou surpreender a defesa santista após uma cobrança de tiro de meta de Weverton.

O Palmeiras manteve a pressão depois do gol, sobretudo com Endrick, enquanto o Santos demorou até depois do intervalo para se reencontrar na partida. Até o pênalti, havia um equilíbrio no duelo, uma chance clara para cada lado: aos 9 minutos, Gil salvou um bola de cabeça em cima da linha após chute forte de Mayke. A resposta santista foi num arremate de longe de Pituca.

Depois do intervalo, foi a vez Mayke aparecer como salvador e salvar, em cima da linha, um chute de Otero.

Aos 21, porém, ninguém conseguiu impedir o Palmeiras de marcar o segundo e virar o confronto. Piquerez fez grande jogada pela esquerda, cruzou na cabeça de Flaco López, que ajeitou para Aníbal Moreno completar para o fundo da rede e colocar os donos da casa no caminho do título.

O Santos ainda tentou descontar o placar, que levaria a disputa para os pênaltis, mas a equipe da casa conseguiu segurar a vitória que lhe garantiu o troféu.

O Palmeiras agora tem dez títulos sob comando de Abel Ferreira, novo recordista do clube ao lado de Osvaldo Brandão –cuja lista inclui glórias de pequena expressão, um Torneio Início, uma Taça Cidade de São Paulo e uma Taça Governador do Estado de São Paulo. Com Abel, apresentado em 4 de novembro de 2020, a agremiação agora tem os seguintes troféus: Campeonato Paulista (2022, 2023 e 2024), Supercopa do Brasil (2023), Copa do Brasil (2020), Campeonato Brasileiro (2022 e 2023), Recopa Sul-Americana (2022) e Copa Libertadores (2020 e 2021).


Folha Esporte

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo