Notícias

Parlamento da Venezuela promove lei contra o ‘fascismo’ com penas de prisão

O Parlamento da Venezuela, de maioria governista, aprovou nesta terça-feira (2), em primeira discussão, um projeto de lei contra o “fascismo” – termo usado por funcionários do governo para se referirem a opositores -, que estabelece penas de prisão de até 12 anos e multas elevadas.

A lei foi apresentada na unicameral Assembleia Nacional pela vice-presidente venezuelana, Delcy Rodríguez, após ter sido proposta no mês passado pelo presidente do país, Nicolás Maduro, que buscará o terceiro mandato consecutivo nas eleições de 28 de julho.

A lei “visa a estabelecer os meios e mecanismos para preservar a convivência pacífica e a tranquilidade pública”, bem como a “proteger a sociedade venezuelana do surgimento de qualquer expressão de ordem fascista, neofascista ou de natureza similar”, segundo o texto.

Matéria: UOL Notícias

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo