Política

Partido da Mulher apoiará Boulos, e ex-ministro de Bolsonaro reage

O PMB (Partido da Mulher Brasileira) decidiu apoiar a candidatura de Guilherme Boulos (PSOL) à Prefeitura de SP.

“A gestão [Ricardo] Nunes não entregou o que seria desejável. Um prefeito da base do governo federal fará toda a diferença para uma gestão ampla na principal capital do país”, diz Yann Monteiro, da Executiva Nacional.

Ele e o vice-presidente nacional da legenda, Sidclei Bernardo, encontraram-se com Boulos em 14 de março, quando manifestaram intenção de dar apoio.

A decisão gerou reação de Abraham Weintraub, ex-ministro da Educação no governo Jair Bolsonaro (PL), que é filiado ao partido e sonha em disputar a prefeitura. “Continuo pré-candidato e não vou apoiar Boulos ou Nunes”, diz.

Embora o PMB seja nanico, sua adesão carrega simbolismo para Boulos, por ser a primeira legenda que não é de esquerda a apoiá-lo. As outras legendas na coligação do psolista são PT, Rede, PCdoB, PV e PDT.

LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

Folha de São Paulo

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo