Política

PF faz operação contra suspeitos de invasão ao sistema do TSE com uso do E-título

A Polícia Federal investiga suspeitos de invadirem o sistema de cadastros do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) por meio do aplicativo E-Título. Os criminosos fizeram emissões de título de eleitor até inscrições como mesário voluntário, em nome das vítimas.

O TSE detectou o problema e identificou 158 registros de irregularidades realizadas por meio do aplicativo. Até o momento, a Operação Eleitor Protegido cumpriu seis mandados de busca e apreensão nas cidades de Belo Horizonte, São Paulo, São Miguel do Gostoso (RN) e Maracanaú (CE).

Os investigados devem responder pelo crime de invasão de dispositivo informático.

Folha de São Paulo

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo