Notícias

Polônia diz que Israel se desculpou após morte de trabalhador humanitário polonês em Gaza

VARSÓVIA (Reuters) – A Polônia disse nesta sexta-feira que o embaixador de Israel pediu desculpas por um ataque aéreo israelense que matou um polonês e seis outros trabalhadores humanitários em Gaza, dias depois que o enviado irritou o país ao culpar os “antissemitas” pela indignação polonesa com o ataque.

Damian Sobol, um voluntário do sudeste da Polônia, estava entre as sete pessoas que trabalhavam para a World Central Kitchen, do famoso chef José Andrés, e que foram mortas no ataque aéreo no centro de Gaza na segunda-feira, o que provocou um clamor internacional.

“Entreguei uma nota de protesto ao embaixador. O embaixador pediu desculpas por esse evento, que não tem precedentes na história do mundo civilizado”, disse o vice-ministro das Relações Exteriores da Polônia, Andrzej Szejna, em uma coletiva de imprensa.

Matéria: UOL Notícias

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo