Política

PRF apreende 10 fuzis escondidos em carro em Santa Catarina

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Santa Catarina fez uma surpreendente apreensão na tarde de ontem. Durante uma fiscalização na rodovia, os oficiais apreenderam 10 fuzis escondidos dentro de um veículo JAC J3. As armas, que são de calibre 556, estavam desmontadas e sem numeração. Além disso, estavam escondidas em compartimentos ocultos no teto do carro e no tanque de combustível. A apreensão aconteceu na BR-116, na cidade de Mafra.

Como os fuzis foram descobertos?

Segundo a PRF, o veículo foi abordado após o motorista realizar uma ultrapassagem em local proibido. Ao se aproximarem do veículo, os policiais notaram um forte cheiro de combustível vindo do interior do carro, o que despertou imediatamente a suspeita dos oficiais. Em uma inspeção mais detalhada, eles notaram um desnível acentuado no teto do automóvel. Ao investigar, descobriram um compartimento secreto onde as partes dos fuzis estavam ocultas.

Quem eram os suspeitos?

No momento da abordagem, o motorista, um homem de 37 anos, mostrava sinais claros de nervosismo. Ele estava visivelmente trêmulo e inquieto. Prosseguindo com o interrogatório, ele confessou à PRF que receberia pagamento para transportar as armas de Foz do Iguaçu, no Paraná, até Blumenau, em Santa Catarina, a cerca de 166 quilômetros de Mafra. Uma mulher também estava no veículo e, segundo relatos da PRF, ela estava igualmente nervosa e não conseguiu responder a perguntas simples sobre a viagem.

Quais foram as consequências dessa apreensão?

O motorista, que já tem passagens policiais por receptação, foi prontamente detido e encaminhado à delegacia em Mafra. Ele responderá por porte ilegal de arma de uso restrito, de acordo com informações fornecidas pela PRF. A passageira também foi levada para a delegacia, mas até o momento, não há detalhes sobre quais acusações podem ser feitas contra ela. O veículo e as armas foram apreendidos e estão agora sob custódia da Polícia Rodoviária Federal para investigação posterior.

Como isso afeta a comunidade?

Incidentes como esse destacam os contínuos esforços da polícia em combater o tráfico de armas e a violência no Brasil. O fato de as armas estarem desmontadas e escondidas dentro de um veículo mostra os comprimentos a que os criminosos estão dispostos a ir para transportar armas ilegalmente. Ao mesmo tempo, a apreensão também demonstra a eficácia das forças policiais na detecção e prevenção desse tipo de atividade ilegal.



Matéria: O Antagonista

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo