Economia

Quanto rendem R$ 1.000 e R$ 5.000 nas ações que mais pagaram no 1° tri

O primeiro trimestre de 2024 se caracterizou pela bonança no pagamento de proventos na Bolsa brasileira. Companhias que divulgaram seus balanços de 2023 usaram os lucros acumulados do ano passado para remunerar acionistas.

Segundo levantamento da plataforma Meu Dividendo- que faz antecipação de proventos- as empresas brasileiras pagaram R$ 76,68 bilhões em dividendos e juros sobre capital próprio (JCP) de janeiro a março de 2024. O montante é superior ao distribuído no 1° trimestre de 2023, quando chegou a R$ 51,34 bilhões.

O salto nos pagamentos foi de 49%. E foi recorde histórico considerando o 1° trimestre de anos passados. O prazo médio entre o anúncio e o pagamento efetivo dos proventos foi de 41 dias para o trimestre.

Matéria: UOL Economia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo