Tecnologia

Revista Time e OpenAI assinam acordo para licenciamento de conteúdo

A revista Time e a OpenAI assinaram nesta quinta-feira (27) um contrato de conteúdo plurianual que dará à dona do ChatGPT acesso ao seu arquivo de notícias.

Nas respostas a dúvidas dos usuários, a inteligência artificial citará e vinculará a fonte ao site time.com, disseram as empresas em comunicado. Os termos financeiros do acordo não foram revelados.

A empresa chefiada por Sam Altman firmou acordos semelhantes nos últimos meses com o Financial Times, com o Axel Springer, dono do Business Insider, com o Le Monde, da França, e a Prisa Media, da Espanha.

Enquanto a OpenAI utilizará o conteúdo da Time para impulsionar e treinar seus produtos, o veículo com sede em Nova York terá acesso à tecnologia pioneira em IA para desenvolver novos produtos, disseram as empresas.

“Estamos fazendo parceria com a Time para facilitar o acesso das pessoas ao conteúdo de notícias por meio de nossas ferramentas de IA”, disse o diretor de operações da OpenAI, Brad Lightcap, em comunicado.

Embora algumas empresas de mídia, como o New York Times e o Intercept, já tenham processado a OpenAI por usar seus conteúdos, essas parcerias são essenciais para o treinamento de modelos de IA.

Esses acordos também podem oferecer uma maneira de gerar receitas aos veículos de notícias, que têm sido historicamente excluídos dos lucros que os gigantes da internet geram com a distribuição do seu conteúdo.

No ano passado, a Meta bloqueou o compartilhamento de notícias no Facebook e no Instagram no Canadá depois que uma legislação do país obrigou as big techs a pagar pelas notícias exibidas em suas plataformas.

Separadamente, o Canadá e o Google tiveram que chegar a um acordo para manter as notícias nos resultados de busca.

Em maio, a OpenAI, apoiada pela Microsoft, também assinou parcerias de conteúdo e produto com The Atlantic e Vox Media.

Folha de São Paulo

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo