Política

Só 3,4% de precatórios foram pagos a bancos detentores das dívidas, indicam dados do BC

Dos R$ 93 bilhões de precatórios [sentenças judiciais] atrasados quitados pelo governo federal após autorização dada pelo STF (Supremo Tribunal Federal) em novembro, somente R$ 3,18 bilhões (3,4% do total) foram pagos aos bancos detentores desses títulos judiciais, indicam dados do Banco Central.

Além disso, dos R$ 3,18 bilhões, somente R$ 1,68 bilhão são precatórios adquiridos pelos bancos de terceiros. O R$ 1,5 bilhão que resta são precatórios cujos credores originários são as próprias instituições financeiras.

Os dados contradizem o ex-presidenciável Ciro Gomes (PDT), que no domingo (10) postou um vídeo em que afirma que os R$ 93 bilhões quitados foram parar nos cofres dos bancos.

Ainda conforme o BC, do montante quitado, R$ 49 bilhões são de natureza alimentar, pagos em grande parte a trabalhadores e aposentados que já tinham ganho em definitivo ações judiciais com trânsito em julgado (sem possibilidade de recurso) contra a União.

LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

Folha de São Paulo

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo