Política

TSE quer capacitar juízes para enfrentarem desinformação nas eleições

O Tribunal Superior Eleitoral planeja realizar até julho uma capacitação de cerca de 3.000 magistrados para tratar da resolução aprovada em fevereiro sobre inteligência artificial e ajudá-los a se familiarizarem com as políticas das principais plataformas pelas quais a desinformação circula.

A ideia é chamar essas empresas para conversarem com os juízes, para que eles entendam as políticas de integridade de cada uma. Isso os ajudaria a embasar eventuais decisões sobre conteúdos que disseminam notícias falsas nas redes sociais.

A orientação reduziria a chance de os magistrados emitirem determinações consideradas inexequíveis pelas plataformas. Uma capacitação parecida foi realizada com cerca de 200 assessores jurídicos na primeira semana de abril.

LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

Folha de São Paulo

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo