Economia

Veja 5 fundos que rendem acima da taxa Selic e saiba quanto você ganha

É aí que entra a parte dos riscos, que eu explico a seguir.

Quais são os riscos?

Não há nenhuma garantia de que um determinado fundo imobiliário tenha uma certa rentabilidade no futuro. Sempre que você vir um dado de retorno em dividendos de um FII, está implícito que ele só terá esse ganho se não reduzir o seu ritmo atual de remuneração do investidor.

Porém, sempre existe chance de que aconteça uma redução. Na maioria das vezes, quando você investe em um fundo imobiliário você está comprando uma fração de um imóvel ou de um conjunto de imóveis. Assim, você recebe, como rendimento, uma fração da receita que aqueles imóveis recebem de aluguel.

Caso os imóveis de um determinado FII fiquem vagos, eles tenderão a reduzir, ou mesmo zerar, a remuneração ao investidor. Por isso, é importante escolher bem os FIIs. Por exemplo, priorizando aqueles que possuem vários imóveis no portfólio (não apenas um ou dois) e cujos imóveis estejam bem localizados, reduzindo os riscos de vacância.

Os FIIs mais rentáveis

Além dos fundos que possuem imóveis no portfólio, que são chamados de “fundos de tijolo”, existem os “fundos de papel”, que não possuem imóveis físicos, mas, sim, contratos de recebíveis imobiliários.

Matéria: UOL Economia

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo